O que há de novo?
Carregando...

 

Vai fazer compras na internet? Adicione nosso plugin no seu Google Chrome e doe parte do valor da sua compra para a Associação Quatro Patinhas. Você não gasta a mais por isso e ainda protege nossos animais.

Não é difícil de seguir uma dieta saudável para conseguir emagrecer, mas ela deve estar associada a uma boa rotina de exercícios, e dentre todos a musculação é a mais indicada.

Muitas pessoas preocupadas em emagrecer acreditam que a musculação atrapalha o processo de emagrecimento, pois embora haja uma perda da porcentagem de gordura, há também um aumento da massa magra (massa muscular), podendo não apresentar perda de peso na balança.


Um dos alimentos naturais mais indicados e eficazes na perda de peso e higienização do intestino é a maça, se combinadas a outros produtos naturais como sementes de chia e linhaça ela se torna uma poderosa arma contra a obesidade.
Veja neste vídeo uma receita saborosa que vai te ajudar a limpar seu intestino e com isso perder alguns quilos em poucas semanas.
 
 
As maçãs são muito nutritivas, excelente fonte de vitaminas e minerais: contêm vitaminas A, B1, B2, niacina, vitaminas C e E, pectina e sais minerais como fósforo, magnésio,enxofre, potássio e ferro.
É também muito rica em substâncias chamadas flavonóides e ácido málico. A pectina, uma fibra encontrada na casca, modera o apetite porque dá sensação de saciedade, e a quercetina, um antioxidante que está presente na polpa, ajuda no combate ao envelhecimento das células do sistema imunológico e protege o organismo dos danos causados pelos radicais livres.
 

Benefícios da Maçã

  • Previne condições como intestino preso, gota, diabetes e enfermidades da pele.
  • Melhora o sistema nervoso e diminui a ansiedade.
  • Purifica o sangue.
  • Por ser antioxidante, retarda o envelhecimento.
  • Depura o sangue. Por conter ácido málico, limpa o trato vocal, boca, faringe e favorece uma voz com melhor ressonância.
  • Contribui para um sono tranquilo.
  • Impede a formação de cálculos, evita a indigestão, previne a infecção da garganta.
  • A pectina e potássio evitam o acúmulo de gordura na parede arterial, prevenindo o entupimento das artérias.
  • Hidrata o corpo e repõe as energias.
  • Mantém os dentes brancos e saudáveis.
  • Ajuda a desintoxicar o fígado de toxinas.
  • Melhora o funcionamento cerebral e evita doenças como o mal de Alzheimer.

É importante comer a fruta com a casca, pois é nela que se concentram a maioria de suas propriedades.
A melhor hora para se consumir a maçã é em jejum, momento em que os nutrientes são mais bem aproveitados.

Tipos de maça

  • Fuji: É firme e crocante. Um pouco ácida, essa maçã vai bem com salada de frutas, sobremesas e geleias.
  • Gala: Macia e bem doce, é uma das mais ricas em antioxidantes. É um dos tipos mais consumidos no Brasil.
  • Red ou Argentina: Tem a polpa mais branquinha e, quando está mais madura, esfarela na boca.
  • Verde: Tem pouco açúcar e é bem ácida. Vai bem como complemento em pratos salgados, saladas e assados.


Veja receitas ideais para adultos e crianças com diabete

 

 

É fato que alimentação e diabetes estão interligadas, pois uma má alimentação pode causar o descontrole da doença e as terríveis complicações podem aparecer. Mas também há aqueles alimentos que podem controlar a  glicêmico mantendo a diabete controlada.

 

Quem tem diabetes sabe que existe uma lista enorme de alimentos para diabéticos que são proibidos, às vezes por um longo período, ou até mesmo pelo resto da vida. É uma doença que não tem cura (e grave), mas é  totalmente possível ter uma ótima qualidade de vida mantendo uma alimentação balanceada e saudável.

 

Isso também vai melhorar sua qualidade de vida em outros aspectos, como uma maior disposição para realizar atividades do dia a dia, vai prevenir outras doenças relacionadas a má alimentação, como, gastrites, obesidade…

É chato ter que deixar de comer coisas que gostamos, mas com o tempo o organismo acostuma com aquela dieta, e passamos a gostar e a preferir aquela alimentação regrada.

 

Uma boa dieta para diabéticos deve conter alimentos com baixo índice glicêmico e fornecer nutrientes essenciais que geralmente estão faltando na maioria das dietas típicas, e esses alimentos para quem tem diabetes são:

  • cálcio;
  • potássio;
  • fibra solúveis;
  • magnésio;
  • vitaminas A (carotenóides), C, e E.

Dentre esses nutrientes, cabe destacar a importância das fibras solúveis para o diabético, pois ajudam a reduzir a absorção de glicose, diminuir a concentração de açúcar no sangue, aumentar a sensibilidade à insulina, controlar o colesterol e ainda prolongar a sensação de saciedade.

Desse modo, quando o alimento é rico em fibras mesmo que após o consumo ele se transforme em açúcar no sangue, a absorção pelo organismo é reduzida pela presença das fibras solúveis como é o caso, por exemplo, da batata doce, do feijão e das frutas para diabéticos.

Já o consumo os alimentos ricos em açúcar e amido provocam má digestão. Esses alimentos permanecem um período maior no processo digestivo e com isso, aumentam a glicose na corrente sanguínea. Esse fenômeno é chamado de glicemia (concentração de açucares no sangue). E tem sido uma das dificuldades de quem sofre de diabetes.

 

 

O que pode comer

 

  • Batata Doce: possui baixo índico glicêmico, contém vitamina A e fibras solúveis;
  • Canela: Estudos comprovam que a canela combate o diabetes, e o consumo diário de 1 colher de chá pode reduzir a taxa de glicose no sangue em até 26%;
  • Feijão: é rico em fibras e proteínas;
  • Frutas Cítricas (abacaxi, acerola, laranja, limão, tangerina, kiwi, lima, morango e uva são alguns exemplos): contém vitamina C e fibras; *Observação pessoas com inflamação no esôfago ou azia devem evitar esse tipo de fruta;
  • Gorduras Saudáveis (amêndoas, amendoim, nozes, sementes de linhaça, castanhas, óleo de coco, abacate e azeite são alguns exemplos): são fontes de ômega 3; *São alimentos calóricos, porém pequenas quantidades já são suficientes para absorver os nutrientes necessários;
  • Leite (desnatado) e laticínios sem gordura (magros):  são fonte de cálcio e vitamina D; *O queijo quanto mais branco menos gordura tem, já o queijo amarelado, como por exemplo o queijo cheddar, quanto mais amarelo mais gordura ele possui;
  • Peixes (tilápia, atum, salmão são algumas opções): são fontes de ômega 3 e ácidos graxos; *Evite consumir frito ou empanado, dê preferência para o grelhado;
  • Tomate: é rico em vitamina C e E, licopeno, ferro e ainda é um forte antioxidante;
  • Grãos Integrais (aveia): são ricos em potássio e fibras;
  • Vegetais de folha Verde Escura (rúcula, espinafre, couve): são fontes de vitamina A;

 

 

Dicas Para Uma Boa Dieta Para Diabéticos:

 

Café da manhã: Procure tomar café da manhã diariamente. Estudos comprovam que pessoas que tomam café da manhã, geralmente, são mais magras que aqueles que evitam esta refeição matinal. Pois ao longo do dia você sentirá menos fome.

Fibras Solúveis: Aumente o consumo de alimentos ricos em fibras pois retardam a absorção do açúcar pelo organismo, ainda que o alimento após o consumo seja transformado em açúcar a presença das fibras inibe o aumento da glicose no sangue.

Equilíbrio: Evite comer além do necessário durante as refeições, de modo que depois passe várias horas seguidas sem se alimentar. Procure não repetir o prato, coma apenas o suficiente para se sentir satisfeito. Controlar o tamanho das porções é um dos passos que tornam uma dieta para diabéticos saudável.

Variedade de alimentos: Não faça refeições somente de carboidratos como, por exemplo, um prato de macarrão sem verduras, proteínas, legumes ou frutas. Adicione ao seu prato uma proteína magra de preferência frango sem pele ou peixe grelhado, verduras e frutas. O carboidrato se possível consuma arroz integral, macarrão sem glúten ou uma batata doce.

 

A American Diabetes Association (ADA) sugere que o ideal na hora da refeição é dividir o seu prato ao meio, de modo que uma metade seja divida em duas partes iguais. De maneira que o seu prato ficará dividido em três partes uma com 50% e duas com 25% cada.

A metade maior, ou seja, 50% do prato deve ser ocupada com vegetais, verduras e legumes.

Um quarto do prato, isto é, 25 % deve ser completo com proteína magra e o outro um quarto da refeição,

25% restantes, cheio de carboidratos complexos ricos em amido, de preferência grãos integrais que são ricos em fibras.

A variedade de alimentos é importante porque uma alimentação desbalanceada causa deficiência nutricional, diante disso não faça dietas que visam o consumo de apenas um grupo alimentar como, por exemplo, a dieta da proteína. A dieta da proteína para diabéticos não é indicada pois além do risco de hipoglicemia, há também uma possível sobrecarga dos rins que, por sua vez, pode aumentar a chance desenvolver nefropatia diabética.

 

 

Dicas

 

Controle a fome: Se a fome chegar muito forte, provavelmente,  você vai sabotar o sue regime alimentar e além de comer mais do que deve, vai comer o que não pode. Desse modo, não fique longos períodos de tempo sem comer e se sentir que está com muita fome antes de uma refeição coma uma fruta como por exemplo uma maça ou um prato de salada de entrada.

 

Controle a sede: As pessoas não dão a devida importância para o consumo diário de água necessário. A água além de hidratar diminui a fome pois muitas vezes a pessoa está apenas com sede, desidratada, porém acha que está com fome. E nessa hora acaba consumindo, com maior frequência, sorvete, milk shake, sundae, refrigerante tudo isso porque não consumiu a quantidade de água que deveria.

Para criar o hábito de consumir mais água ao longo do dia, você pode usar uma dica simples que funciona muito bem. Mantenha sempre ao seu lado, no seu local de trabalho ou aonde estiver, uma garrafa de água, assim toda vez que olhar para a garrafa vai se lembrar de tomar água durante todo o dia.

 

Reduzir o consumo de Sal: Essa regra deve ser seguida por todos, principalmente por aqueles que são diabéticos e hipertensos. Uma vez que o consumo excessivo de sal ou sódio faz com que o coração bombei sangue rapidamente, mais do que o considerado normal, causando o aumento da pressão sanguínea. De tal maneira que se o problema se torna crônico pode gerar hipertensão arterial, mais conhecida como pressão alta.

 

 

Veja neste vídeo qual o maior inimigo da dieta para diabéticos!

 

 

 

Receitas de doces para diabéticos (LIVRO + DVD) / (ONLINE)

Este curso mostra dicas e receitas para a preparação de: alimentos doces e salgados, festas de aniversário e ceia de natal. Todas as receitas foram testadas e aprovadas.

 

Você vai aprender:

 

Conhecendo os adoçantes e a diferença entre diet e light

  • Preparação de alimentos

 

Receitas de bolo

  • Bolo de maracujá
  • Bolo de laranja
  • Bolo integral
  • Bolo mármore
  • Bolo de maçã
  • Bolo de fruta
  • Bolo de amendoim

 

Receitas de biscoito

  • Biscoito de coco
  • Biscoito de aveia
  • Biscoito de sal amoníaco

 

Mesa de natal

  • Panettone
  • Pera Verde
  • Chantilly
  • Musse de Maracujá
  • Calda de Maracujá
  • Torta de limão com ricota
  • Bolo de Natal
  • Beijinho

 

Mesa de chá

  • Bolo com cobertura de chocolate
  • Biscoito de aveia
  • Musse de Maracujá
  • Torta de limão com ricota
  • Ovos nevados
  • Doce de goiaba
  • Amor em pedaço
  • Bolo integral
  • Biscoito de coco
  • Biscoito de sal amoníaco
  • Espetinhos de frutas
  • Torta de tangerina
  • Brigadeiro
  • Doce de abacaxi

 

Salgadinhos

  • Sanduíche de frango com triguilho
  • Sanduíche de brócolis

 

Mesa de aniversário

  • Amor em pedaço
  • Sorvete de morango com iogurte
  • Leite Condensado
  • Brigadeiro
  • Cajuzinho

 

Salgados

    • Molho branco temperado
    • Patê de peito de frango e triguilho
    • Broinha salgada

 

Outras receitas testadas e aprovadas

  • Sorvete de fruta com iogurte
  • Musse de maracujá com iogurte
  • Musse de goiaba
  • Musse de tangerina com calda
  • Ameixa em calda
  • Doce de morango com calda de gelatina
  • Maçã em calda de gelatina

 

 

Veja só que delícia de idéia, uma receita simples pra você não ter que comprar aqueles pacotinhos de biscoitos pra cachorro que vendem em petshops e supermercados.

 

Procure saber primeiro com um veterinário, se seu cachorro pode comer, é uma receita saudável, não vai ingredientes de que um cachorro não possa comer, o óleo é numa quantidade bem pequena, apenas para dar liga na massa, mas mesmo assim é importante saber a opinião de um médico veterinário.

 

Quanto a data de validade desses biscoitos, acho que é melhor não passar de dois a três dias, em temperatura ambiente e arejado, é claro, por ser caseiro, não possui os conservantes que os industrializados.

 

Não acrescente nenhum ingrediente que você não tenha certeza que cachorros podem comer, como, chocolate, nozes, passas, açúcar, manteiga.

 

Já deve ter visto em petshops, petiscos de chocolate, por exemplo, não são de chocolate de verdade, tem apenas o aroma. Então não se deixe enganar, e não arrisque em criar uma receitinha nova, hein!Dog face

 

Toda mulher sabe o quanto é importante cuidar da higiene intima, mais até que os homens, nosso órgão venital é bem mais vulnerável a doenças e infecções, por ter essa abertura ele fica mais exposto.

Por isso deve se lavar muito bem no banho, principalmente em períodos menstruais, com esse calor ainda, nem se fala, como não podemos tomar banho várias vezes ao dia recomendo usar aquele lencinho umidecido de bebês (apenas para limpar melhor o local até poder tomar um banho).

 

Existem alguns produtos no supermercado para higiene intima, são bons, mas não é de uso obrigatório. Se você não sabe, a vagina tem uma flora bacteriana própria, que limpa, mantém o pH adequado e previne doenças naturalmente.